Os Voos da Xoana

Templo Zu Lai: um passeio gratuito em São Paulo

Mais um post da “série”: você costuma turistar na cidade em que mora?

Se você está afim de curtir um passeio gratuito, zen, rodeado de natureza e pertinho de São Paulo, recomendamos o Templo Zu Lai, maior templo budista da América Latina, ainda pouco conhecido pelos paulistas. Aberto ao público e com entrada gratuita, o Templo Zu Lai está localizado em Cotia, pertinho da capital paulista (veja abaixo como chegar). Mais um daqueles programas BBB – bom, bonito e barato (nesse caso, de graça).

Templo Zu Lai: um passeio gratuito em Cotia, São Paulo

Bela arquitetura do Templo Zu Lai , em Cotia, São Paulo

Para fazer esse passeio você não precisa ser budista. Eu, por exemplo, sou bem eclética nas religiões: católica de batismo, espírita por afinidade e opção, e estudante de Kabbalah. Acredito e respeito o que cada uma tem de melhor a oferecer. Afinal, o que importa é a fé que carregamos no coração, independente do Deus (ou como preferir chamar essa Luz infinita de compartilhar) que acreditamos.

Templo Zu Lai: um passeio gratuito em Cotia, São Paulo

Templo Zu Lai, uma ótima opção de passeio gratuito e zen, pertinho de São Paulo

É um espaço aberto, neutro, para todas as pessoas interessadas em curtir um momento de tranquilidade, paz e sossego, independente da crença. E ainda é uma oportunidade para aprender mais sobre uma região oriental.

Templo Zu Lai, um passeio gratuito

Inaugurado em 2003, o Templo Zu Lai é o primeiro do Monastério Fo Guang Shan na América Latina, escola do budismo chinês com sede em Taiwan. Um de seus objetivos é divulgar o Budismo Humanista, que tem como pilares a cultura, educação, ações sociais e práticas religiosas. Eles propagam as lições essenciais do Buda, como a compaixão e gratidão.

Templo Zu Lai: um passeio gratuito em Cotia, São Paulo

Logo na entrada do estabelecimento, você já encontrará diversas imagens de Buda

Templo Zu Lai: um passeio gratuito em Cotia, São Paulo

Mais Budas na parte de fora do Templo Zu Lai

Templo Zu Lai: um passeio gratuito em Cotia, São Paulo

Escadaria de acesso ao Templo Zu Lai

Ao subir a escadaria, você encontrará um pátio, que dá acesso aos salões, onde são feitas as práticas budistas, meditações, cursos e aulas de Tai Chi Chuan.

Templo Zu Lai: um passeio gratuito em Cotia, São Paulo

Portal de entrada do Templo Zu Lai

Templo Zu Lai: um passeio gratuito em Cotia, São Paulo

Pátio do Templo Zu Lai

Nas laterais do espaço você encontra:

  • Salas de meditação: com horários específicos para a prática (não é permitido fotografar);
  • Museu budista: diversas esculturas e explicação da trajetória das divindades do Budismo  (não é permitido fotografar);
  • Restaurante: 100% vegetariano, aberto apúblico somente aos sábados, domingos e feriados das 12h às 14h30. R$ 30,00 por pessoa – crianças pagam R$ 22,00*
  • Cafeteria: para lanches rápidos, com produtos artesanais feitos pelos religiosos*
  • Lojinha de souvenirs**Atenção: a cafeteria, restaurante e loja não aceitam cartão, apenas pagamento em dinheiro!
Templo Zu Lai: um passeio gratuito em Cotia, São Paulo

Shi, o guardião do Templo

O ritual do incensário

Ao entrar em um templo budista, a primeira coisa que devemos fazer é uma referenda ao Pai da casa, o Buda. Portanto, ao chegar em frente ao salão principal, os voluntários ensinam como fazer o ritual de referenda ao Buda, que pode ser uma prece, um pedido, um agradecimento…

A voluntária Vanessa nos explicou que, diante do Buda, devemos acender um incenso, posicionando-o na direção do mestre para estabelecermos uma ligação com ele, e fazemos um pedido (o ideal é que esse pedido possa atingir o maior número de pessoas – pensar no coletivo), justamente pelo significado do ritual, que é gratidão e compaixão.

Templo Zu Lai: um passeio gratuito em Cotia, São Paulo

Posição da mão ao acender o incenso. Leve-o na altura do peito, concentre-se, controle a respiração, esqueça o mundo externo e foque nesse momento

Templo Zu Lai: um passeio gratuito em Cotia, São Paulo

Quando a mente estiver mais calma, leve o incenso na altura da cabeça e faça a oração.

Templo Zu Lai: um passeio gratuito em Cotia, São Paulo

Deposite o incenso no incenário, localizado na frente do Buda, no salão principal

Não deve haver circulação de pessoas entre o incensário e o Buda (por isso essa faixa vermelha) para não atrapalhar a energia que vem dos pedidos ao mestre.

Salão principal

Dentro do salão principal, você verá paredes cheias de miniatura de Budas iluminadas. Um dos voluntários nos informou que as imagens são homenagens a pessoas que ajudaram na construção do templo.

Enquanto estávamos lá, tivemos o privilégio de prestigiar uma cerimônia de treinamento para as pessoas que estavam se tornando budistas. A cerimônia de “batismo” aconteceria naquela noite, e a monge estava explicando como aconteceria.

Templo Zu Lai: um passeio gratuito em Cotia, São Paulo

Cerimônia budista

Na parte de fora, você pode tomar um chá, disponível aos visitantes (grátis). O sabor é de um chá mate.

Templo Zu Lai: um passeio gratuito em Cotia, São Paulo

Chá disponível aos visitantes, na parte externa do salão principal

Templo Zu Lai: um passeio gratuito em Cotia, São Paulo

Pegue o seu chazinho (grátis) e desfrute apreciando a vista do Templo Zu Lai

Templo Zu Lai: um passeio gratuito em Cotia, São Paulo

No piso superior, há um Buda branco bem grande, que nos lembrou o golpe que caímos em Bangkok

Sim, nós caímos no golpe em Bangkok. Clique aqui e leia sobre ele!

Retiros de meditação

Para quem tem interesse em viver a experiência budista, o Templo Zu Lai oferece um retiro espiritual de 30 dias.

Lago Zu Lai

Na parte externa do Templo Zu Lai há uma área verde, muito arborizada, onde encontra-se o Lago Zu Lai. É mais um lugar para relaxar, estar mais perto da natureza, sentir o ar puro e meditar.

Templo Zu Lai: um passeio gratuito em Cotia, São Paulo

Jardim arborizado e o Lago Zu Lai, mais um espaço para curtir o sossego

Atenção às regras de conduta, que devem ser seguidas por todos os visitantes no Templo Zu Lai:

  1. Usar roupas condizentes com um ambiente religioso (evitar decotes, roupas curtas, shorts);
  2. Não manifestar contatos íntimos (beijos, abraços, carícias etc);
  3. Não é permitido levar bebidas e alimentos para o interior do templo, nem fazer piqueniques no jardim;
  4. Não é permitido animais de estimação;
  5. Não fumar;
  6. Não assumir posturas inadequadas nas dependências (deitar pelo pátio, debruçar-se nas muretas, estátuas e etc.);
  7. Não fazer barulho e evite aglomeração na porta da sala principal (evite perturbar a concentração e o momento de oração dos praticantes).
Como chegar?

O Templo Zu Lai fica localizado na Estrada Fernando Nobre, 1461, em Cotia/SP.

Se você está na capital paulista, pegue a Rodovia Raposo Tavares e saia no Km 28,5. Ao sair da Rodovia, você pegará uma estrada asfaltada e, em apenas 1,5 quilômetros, você estará no Templo.

Gosto de utilizar o Waze para evitar me perder.

O estacionamento no local é grande e gratuito.

Caso você não vá de carro, aos domingos há um ônibus fretado que sai do metrô Liberdade até o templo. A saída é às 8h e o retorno às 16h. O custo é de R$ 15 por pessoa.

Serviço
Templo Zu Lai
  • Segunda-feira: fechado (mesmo em feriados)
  • De terça a sexta-feira: das 12h às 17h
  • Sábados, domingos e feriados: das 9h30 às 17h

Clique aqui e acesse a página oficial do santuário.

Reserve o seu hotel em São Paulo por esse link do Booking.com. Você não paga nada a mais pela reserva e nos ajuda com uma pequena comissão paga pelo Booking, que nos ajuda a continuar trazendo informações de qualidade para você!

Alugue o seu carro pela RentalCars. Clique no banner abaixo:

——————————————————————————————-

Ao viajar, lembre-se de contratar o Seguro de Viagem Allianz. Ao utilizar o cupom 2017AFL, ganhe 15% de desconto. Se preferir, clique aqui e faça a sua cotação diretamente no site.

—————————————————————————————————

Siga Os Voos da Xoana no Facebook, Instagram, Pinterest e Youtube e acompanhe as nossas novidades.

2 comentários sobre “Templo Zu Lai: um passeio gratuito em São Paulo

  1. Marcos Brito de Amorim

    Deve ser muito bacana o passeio a esse templo, é com certeza um lugar repleto de paz e tranquilidade e uma ótima maneira de conhecer um pouco mais sobre o budismo. Bom saber que a visitação é gratuita e aberta a todos, quero me planejar para visitar quando for novamente a São Paulo. Obrigado por compartilhar a sua experiência!

  2. MILZAR

    Tenho certeza que eu adoraria visitar esse templo, me lembrou muito de minha ida ao Japão. Local em que pude encontrar a paz. Anoite todas as dicas e o seu post foi um local inesperado para mim que eu nem sabia que existia. Incluído na lista do MUST VISIT.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *